Premio Nobel de Medicina – zur Hausen e o HPV – da década de 70 à vacina.

Originalmente publicado 18 Set, 2008.

Harald+zur+Hausen+60th+Lindau+Nobel+Laureate+cR4Mcsa98yTl

Prof. Harald zur Hausen

Um dos ganhadores do prêmio Nobel de Medicina de 2008 é uma figura marcante, num dos assuntos mais palpitantes dos últimos anos: o vírus do Papiloma Humano ( sigla em inglês HPV).
O pesquisador Prof. Harald zur Hausen foi quem primeiro descreveu, na década de 70, a relação dessa familia de vírus com o câncer de colo do útero, a segunda neoplasia feminina em incidência e letalidade no mundo desenvolvido e primeira no mundo em desenvolvimento e nos países pobres.
Fez isso em meio ao descrédito da classe científica na epóca. Ainda se pensava fortemente que o vírus do Herpes pudesse ser o vilão implicado nesse câncer.

6171746

O tempo passou e todas as pesquisas foram corroborando a descrição e os estudos de zur Hausen. Hoje, trinta e tantos anos depois, dispomos de duas vacinas profiláticas que podem proteger meninas e meninos dos malefícios do HPV, desde os tipos mais relacionados com o câncer do colo uterino e as verrugas genitais, não menos preocupantes e motivo de pesados tratamentos.
Por coincidência, a vacina contra o HPV recebeu ontem (31/outubro/2008) o prêmio “2008 International Prix Galien Award”., considerado o “prêmio Nobel” da indústria farmacêutica.

No Brasil, temos a Vacina Quadrivalente contra o HPV e a Bivalente, até o momento oficialmente liberadas para uso no sexo feminino, apesar da sua liberação em homens em vários outros países. Espera-se que na próxima semana, durante o congresso europeu EUROGIN sejam divulgados amplos dados sobre a utilização da vacina em rapazes, os verdadeiros vetores do HPV.

Sobre o Autor
Dr. Homero Guidi
Dr. Homero Guidi

2 thoughts on “Premio Nobel de Medicina – zur Hausen e o HPV – da década de 70 à vacina.”

Comments are closed.